+ 55 41 3075-1502
contato@rcagovernanca.com.br

Cinco dicas para implementar o planejamento sucessório na sua empresa

O planejamento sucessório é uma prática que tem ganhado cada vez mais espaço entre as empresas familiares. Como o próprio nome diz, se trata de criar um planejamento para garantir que a sucessão de líderes de uma empresa ocorra da forma mais descomplicada o possível. 

Apesar de todas as vantagens que ele traz, o planejamento sucessório ainda é visto com certo receio por algumas pessoas. Normalmente, basta uma boa explicação para que todos entendam que optar por um planejamento sucessório não significa trazer mais burocracia para a empresa, pelo contrário. Para você que já conhece as vantagens do planejamento sucessório, mas ainda tem dúvidas sobre como ele pode ser implementado com sucesso, confira as cinco dicas que separamos.

1. A palavra planejamento indica um processo, não um acontecimento pontual

A maior vantagem do planejamento sucessório é a possibilidade de prever acontecimentos e gastos indesejados. Sendo assim, é preciso ter em mente que a sucessão vai ocorrer, mas que não será do dia para a noite. Os futuros líderes terão a possibilidade de aprenderem junto aos líderes atuais, ganhando experiência e recebendo conselhos valiosos. Já para a geração que ocupa a liderança atualmente, há a possibilidade (e o desafio) de conduzir a transição da empresa de uma maneira que leve em consideração suas experiências de vida, assim como as ideias da próxima geração.

2. No entanto, é preciso ficar atento ao cronograma

O planejamento sucessório pode não ser um evento pontual, porém ele ainda é um planejamento. Cronogramas devem ser criados e mantidos. É preciso pensar em cada etapa como se a sucessão fosse iminente. Assim, todos terão mais tempo para desfrutar da estabilidade de uma empresa que tem o seu futuro garantido.

3. Conversas claras, amizades longas

Trabalhar com seus familiares pode não ser sempre a relação mais fácil de se manter. Por isso, procure levar em consideração no planejamento sucessório os valores compartilhados pela família. Não tenham vergonha ou medo de falar sobre a sucessão entre pais, filhos, tios, avós e sobrinhos. O assunto pode ser delicado, mas o diálogo é sempre a melhor ferramenta para a prevenção de conflitos. 

4. Para evitar mal-entendidos, deixe tudo no papel

Quando todos estiverem em comum acordo, é interessante criar um documento com todas as etapas e decisões do planejamento sucessório detalhadas por escrito. Esse documento poderá servir como referência futura em momentos de dúvidas ou conflitos familiares.

5. Consultores e profissionais capacitados são essenciais no planejamento sucessório

Nem todos os conhecimentos podem ser encontrados dentro da família. Quando a sabedoria e o olhar externos forem necessários, reúna a todos e tragam esse profissional para uma reunião. Quanto mais as partes interessadas participarem do processo, menores são as chances de existirem conflitos.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Fechar Menu